Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

As Baleias de Purto Madryn

IMG_3235.jpg

 

Continua a série dedicada à minha viagem à Argentina, em Outubro de 2015. Depois de Buenos Aires, El Calafate, o glaciar Perito Moreno, El Chaltén, e Punta Tombo, hoje vamos viajar até Puerto Maryn, para ver as baleias.

 

E para lá chegar, foram mais umas horas de carro. Felizmente, mesmo assim, chegámos cedo. Já só havia vagas num barco para as visitas do meio dia. Mesmo à conta. Uns minutos mais tarde, e íamos ter de esperar pelas 16h.

 

Quando marquei a viagem, aquilo para que estava mais entusiasmado, era mesmo esta visita. E foi essa a principal razão para ter comprado a GoPro. Queria colocar a GoPro dentro de água, e apanhar uma baleia de perto. Ou filmar uma a saltar junto ao barco. Nada disso aconteceu. Nestas observações a animais é preciso sorte, e neste dia, ela não quis nada comigo.

 

Começou logo mal quando, após a minha primeira tentativa, um dos guias a bordo do barco, informou que tal prática é proibida por lei...  Aparentemente perturba as baleias...  Claro... porque ter vários barcos, todos os dias, a persegui-las, não as incomoda... Colocar uma câmara minúscula junto ao casco é que as vai perturbar imenso...

  

Apesar de não ter tido muita sorte, foi uma experiência que valeu bem a pena. Ainda vimos uma baleia bebé a bater as barbatanas na água, a chamar a mãe, e a nova atracção de Puerto Madryn, a baleia bebé albina.

 

Após a viagem de barco, fomos até um miradouro, que permite ver toda a baía. Aí sim, consegui tirar uma foto de uma baleia a saltar junto a um dos barcos. É impressionante até de longe. Lá mesmo ao lado... deve ser incrível. A foto ficou muito má, dada a distância, mas é engraçada, porque permite perceber o tamanho destes animais. E estamos a falar da baleia Franco-Autral, que não é, nem de perto, a maior espécie.

 

Como neste dia me dediquei mais aos vídeos,acabei por tirar muito poucas fotos. No final do vídeo que faz o resumo de toda esta viagem, podem-se observar algumas cenas desta aventura, incluindo, mesmo perto do fim, uma baleia a iniciar o seu mergulho, com a cauda de fora de água.

 

 

 

 

g0035346.jpg

IMG_3122.jpg

IMG_3139.jpg

IMG_3159.jpg

IMG_3173.jpg

IMG_3183.jpg

IMG_3192.jpg

IMG_3195.jpg

IMG_3200.jpg

IMG_5652.jpg

IMG_3228.jpg

IMG_3242.jpg

IMG_3247.jpg

 

Posts anteriores:

 

Buenos Aires - A Cidade

Buenos Aires - Ao Ritmo do Tango

Buenos Aires - Arte Urbana

Buenos Aires - Cultura

Buenos Aires - Caminito

Buenos Aires - La Bombonera

Buenos Aires - Jardim Japonês

 

El Calafate - A Cidade

El Calafate - Bicicletas e o Bar de Gelo

 

Glaciar Perito Moreno - Começa a Aventura

Glaciar Perito Moreno - A Caminhada no Glaciar

Glaciar Perito Moreno - O Miradouro

 

El Chaltén - A Cidade

El Chaltén - A Cascata Chorrillo del Salto

El Chaltén - Os Miradouros e a Ex-Objectiva

El Chaltén - Fitz Roy, Um Início Tranquilo

El Chaltén - Fitz Roy e as Marteladas nos Pés

 

Punta Tombo - Passear com os Pinguins

Punta Tombo - Guanacos

 

 

 Podem seguir as minhas fotos no Instagram, no Facebook ou subscrever os post por email, no fundo da página.

 

Guanacos

No caminho para Punta Tombo, feito de carro, reparámos em alguns pares de olhos, que espreitavam curiosos sobre os arbustos. Era um pequeno grupo de Guanacos, animais tímidos, e como tal, difíceis de observar.

 

Saí do carro, devagar, tirei a máquina da mochila, e comecei a fotografar. Só duas ou três fotos. Assim que me aproximei um pouco mais, a timidez venceu, e os Guanacos fugiram, em debandada.

 

IMG_3264.jpg

IMG_3265.jpg

 

 

Podem seguir as minhas fotos no Instagram, no Facebook ou subscrever os post por email, no fundo da página.

 

Fitz Roy - E as Marteladas nos Pés

IMG_5319 (1).jpg

 

Continua a série dedicada à minha viagem à Argentina, em Outubro de 2015. Depois de Buenos Aires, El Calafate e o glaciar Perito Moreno, hoje continuamos em El Chaltén. O vídeo que fiz desta aventura, pode ser visto aqui.

 

Estão a ver uma figura minúscula, na parte inferior da imagem? Quase se confunde com as pequenas rochas da margem do lago congelado, mas sim, é mesmo uma pessoa.

 

Após uma subida algo penosa, a escala absolutamente esmagadora desta paisagem fez valer a pena cada arranhadela, cada rocha trepada, cada dorzinha nos pés. Subir até à base do Fitz Roy, é bem capaz de ter sido a minha experiência preferida desta viagem. E tive várias absolutamente incríveis. 

 

Mas voltando à parte da subida. A escala é esmagadora, sim senhor. Mas a escalada também foi. Para os meus pés! 

 

Ao escolher as fotos para este post, reparei que quase não tirei nada a essa parte da caminhada (praticamente só a foto seguinte). Estava, de certeza demasiado concentrado para não cair, para suportar as dores, para não torcer o pé... Se nem me lembrei de fotografar... vejam lá como foi!

 

Foi a única parte dos 30 km que caminhámos nesse dia, em que questionei a minha sanidade mental. Subir ao Fitz Roy?? Que raio me passou pela cabeça?? 

 

Não ajudou que os ténis fossem quase novos (estreados no Perito Moreno)... É uma coisa que nunca se faz; grandes caminhadas com calçado novo. Mas em minha defesa, tive uma lesão antes da viagem, e com medo de não a curar a tempo, não os pude estrear... Ou seja... DORES. Muitas, muitas dores. Os últimos quilómetros da subida então... foram mesmo um sofrimento.

 

E a descida? Imaginem a sensação de caminhar 15 km com os ténis cheios de pedras, e com alguém a martelá-los constantemente. Com uma marreta (com um martelo mesmo, não com a Miss Piggy), e conseguem perceber como foi o "passeio" 

 

E apesar de tudo... Voltava já hoje. Mesmo com pedras metafóricas nos ténis! Não há nenhuma foto, nem palavra que eu consiga escolher, que explique o quão incrível foi ver esta paisagem ao vivo. 

 

Se gostam de viajar, de caminhar, e de natureza, vão... Ponham El Chaltén no topo da lista de sítios a visitar. Esta é uma região que tem de ser vista. Sentida. Com dores nos pés e tudo!

 

Ainda estão aí? Vão lá marcar a viagem!

 

IMG_5279.jpg

 

IMG_5289-Edit.jpg

 

IMG_2759.jpg

 

gopr5031.jpg

 

gopr5034.jpg

 

IMG_5294.jpg

 

IMG_5306-Edit.jpg

 

gopr5040.jpg

 

IMG_5316.jpg

 

 

Posts anteriores:

 

Buenos Aires - A Cidade

Buenos Aires - Ao Ritmo do Tango

Buenos Aires - Arte Urbana

Buenos Aires - Cultura

Buenos Aires - Caminito

Buenos Aires - La Bombonera

Buenos Aires - Jardim Japonês

 

El Calafate - A Cidade

El Calafate - Bicicletas e o Bar de Gelo

 

Glaciar Perito Moreno - Começa a Aventura

Glaciar Perito Moreno - A Caminhada no Glaciar

Glaciar Perito Moreno - O Miradouro

 

El Chaltén - A Cidade

El Chaltén - A Cascata Chorrillo del Salto

El Chaltén - Os Miradouros e a Ex-Objectiva

El Chaltén - Fitz Roy, Um Início Tranquilo

 

 

Podem seguir as minhas fotos no Instagram, no Facebook ou subscrever os post por email, no fundo da página.

Fitz Roy - Um Início Tranquilo

gopr4838.jpg

 

Continua a série dedicada à minha viagem à Argentina, em Outubro de 2015. Depois de Buenos Aires, El Calafate e o glaciar Perito Moreno, hoje continuamos em El Chaltén. O vídeo que fiz desta aventura, pode ser visto aqui.

 

A caminhada começou tranquila. A primeira parte do percurso fez-se numa região de floresta. Sempre com a montanha em fundo, os maiores obstáculos eram apenas os pequenos ribeiros, que ocasionalmente apareciam a cortar-nos o caminho. O que mais me impressionou, inicialmente, foi o silêncio. Uma tranquilidade difícil de encontrar em Portugal, mesmo no mais remoto dos campos. Esmagadora a sensação, de estar ali, focado naquele momento, sem quaisquer distrações. Só nós, e uma das paisagens mais impressionantes do mundo.

 

Eventualmente a vegetação começou a desaparecer, e entrámos numa vasta planície. Estávamos cada vez mais perto do objectivo, a base do Fitz Roy. Mas ainda faltava a parte mais difícil do percurso. Uma íngreme subida, que se pode ver na última foto deste post, na linha mais escura que sobe a montanha. Mais sobre essa etapa, amanhã!

 

IMG_5241.jpg

gopr4839.jpg

gopr4842.jpg

gopr4846.jpg

gopr4867.jpg

gopr4884.jpg

gopr4926.jpg

g0134912.jpg

gopr4930.jpg

gopr4976.jpg

gopr4979.jpg

IMG_2739.jpg

g0144940.jpg

IMG_5270.jpg

IMG_2744.jpg

 

  

Posts anteriores:

 

Buenos Aires - A Cidade

Buenos Aires - Ao Ritmo do Tango

Buenos Aires - Arte Urbana

Buenos Aires - Cultura

Buenos Aires - Caminito

Buenos Aires - La Bombonera

Buenos Aires - Jardim Japonês

 

El Calafate - A Cidade

El Calafate - Bicicletas e o Bar de Gelo

 

Glaciar Perito Moreno - Começa a Aventura

Glaciar Perito Moreno - A Caminhada no Glaciar

Glaciar Perito Moreno - O Miradouro

 

El Chaltén - A Cidade

El Chaltén - A Cascata Chorrillo del Salto

El Chaltén - Os Miradouros e a Ex-Objectiva

 

 

 

Podem seguir as minhas fotos no Instagram, no Facebook ou subscrever os post por email, no fundo da página.

Curioso

IMG_4905.jpg

IMG_4918-Edit-Edit.jpg

 

Os esquilos estão sempre com um ar algo suspeito. Tanto podem estar apenas intrigados com a máquina fotográfica, como a planear friamente a melhor maneira de roubar a comida que uma pessoa trás no bolso... Pelo menos este esquilo, se tinha algum plano maléfico em mente, optou por não o executar...  

 

 

Podem seguir as minhas fotos no Instagram, no Facebook ou subscrever os post por email, no fundo da página.

 

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D

Instagram

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.